O que é SEO e como funciona o ranqueamento no Google?

Publicado em 18 de novembro de 2022

Com certeza você já usou o Google para fazer alguma pesquisa, não é? Mas você já parou para pensar como aqueles sites são organizados e como o seu site pode alcançar as primeiras posições? 

Para isso existe o SEO (Search Engine Optimization), uma série de técnicas e otimizações que você deve fazer no seu site para que o Google consiga analisar mais facilmente sua página e conteúdo, assim, melhorando suas chances de subir no ranking das pesquisas.

Para você ter uma ideia da importância de, não só estar na primeira página, mas nas primeiras posições, uma pesquisa realizada pela Zero Limit Web, revelou que 71,33% dos cliques de pesquisas orgânicas estão na primeira página. Desses, 67,60% estão concentrados apenas nos 5 primeiros resultados.

Ou seja, quem está entre os 5 primeiros resultados recebe mais da metade dos cliques orgânicos do Google.

Se você quer aproveitar esse potencial de tráfego para o seu site o SEO é a estratégia perfeita. Para isso, é importante entender o que é SEO e para que ele serve. Neste artigo, vamos falar tudo o que você precisa saber sobre essa estratégia.

O que é SEO?

SEO é a sigla para Search Engine Optimization, que traduzindo para o português ficaria algo como “Otimização dos Mecanismos de Pesquisa”. Mas o que isso quer dizer? A estratégia de SEO é uma série de regrinhas e recomendações que, quando implementadas no seu site ou blog, melhoram o posicionamento da página nos mecanismos de busca, como o Google.

o que é seo

Então, o SEO é uma estratégia que busca melhorar o ranqueamento da sua marca no Google, dessa forma aumentando o tráfego orgânico para dentro do seu site. O tráfego orgânico considera apenas os clientes que chegaram até você através de pesquisas e dos links encontrados na SERP (Search Engine Results Page), a página de resultados do Google.

Lembrando que, aqueles anúncios que aparecem no topo e no rodapé das pesquisas no Google, não são considerados trafego orgânico e sim, trafego pago, afinal você só alcança essas posições realizando pagando e investindo no Google Ads.

Para que serve o SEO

É praticamente impossível contar quantos links existem no Google. A quantidade é enorme. Por isso, foi desenvolvido uma forma de apresentar esses resultados de maneira fácil de navegar e priorizando aqueles que faça sentido com a pesquisa do usuário

De acordo com o Google, existem mais de 200 critérios examinados na hora de ranquear os sites, tudo isso para garantir que encontre a solução para o seu problema o mais rápido possível.

Podemos imaginar que ranquear no Google não é uma tarefa fácil e a concorrência é grande. Mas é nesse momento que entra o SEO. Realizar as otimizações corretamente facilita na hora dos “robozinhos” do Google entenderem seu conteúdo e medir a relevância deles para a pesquisa.

Como falamos no começo do texto, 71,33% dos cliques estão na primeira página, mas como você pode chegar até ela? Com o SEO. Esse tráfego gerado pelos links no Google é considerado “passivo”, que traz leads qualificados, com melhor custo benefício e de longo prazo.

Assim, investir em SEO e estar no topo do Google é uma estratégia crucial para o sucesso do seu negócio.

SEO on page

Agora você já está sabendo o que é SEO e para que ele serve, com certeza está querendo saber mais sobre o assunto e maneiras de colocar em prática. A primeira coisa que você precisa saber é que dividimos o SEO em três partes: SEO on page, SEO off page e SEO técnico

Como o próprio nome já diz, “on page” quer dizer “na página”, ou seja, são todas as otimizações que você pode fazer ao longo do texto e na página do site para melhorar seu posicionamento.

Veja algumas das principais otimizações de SEO on page.

Palavras-chave

As palavras-chave são aqueles termos utilizados para realizar uma busca. Ela pode ser composta por uma ou mais palavras. Por exemplo, “Marketing” é uma palavra-chave, “Marketing Digital” é outra palavra-chave e “melhores estratégias de marketing digital” é outra.

o que é seo

Saber como procurar boas palavras-chave e como usá-las faz parte do trabalho de SEO on page. Existem diversas ferramentas gratuitas e pagas que permitem realizar buscas de palavras e mostram o volume mensal de procuras e a dificuldade para ranquear organicamente com elas.

Assim, você pode selecionar as que façam mais sentido e usá-la. 

Meta title

Sabe aquele textinho que aparece na página de pesquisa do Google? Então, esse é o meta title. Ele é bem importante para convencer os clientes a clicarem no seu link e entrar no site.

Por isso, é importante criar meta titles convincentes e usar a palavra-chave principal nele. A maioria das plataformas de e-commerce ou CMS permitem que você personalize o meta title de cada página.

o que é seo
Exemplo de Meta Tilte, Meta Desription e URL

Meta Description

Seguindo pela página do Google, temos a meta description. Ela fica localizada logo abaixo da meta title e tem uma função semelhante, convencer que aquele texto ou produto é o que o cliente está procurando e convencê-lo a clicar.

Assim como o meta title, na descrição você também precisa usar a palavra-chave principal.

URL

Entre a meta description e o meta title temos a URL. Ela funciona como o endereço do seu site, ou mais especificamente, para a página no site. Pode parecer que ela não seja tão importante, mas ela tem bastante peso no ranqueamento.

Muitas plataformas criam URLs automaticamente, puxando alguns parâmetros do texto ou produto, ou ainda, preenchendo com vários números e letras. Além de ser prejudicial para a leitura e identificação do Google, também afeta a experiência do usuário.

Crie uma URL direta, que apresente o assunto que será tratado no texto e utilizando a palavra-chave.

Tamanho do conteúdo

O tamanho dos conteúdos também tem influência na sua posição. O Google da prioridade para conteúdos maiores, pois julga serem mais completos, com pesquisa mais aprofundada e resolverão as dores do cliente.

Por isso, invista na criação de textos mais longos e detalhados, sem ficar enrolando e “enchendo linguiça”, mas com bastante detalhe e ajude o cliente. 

Não existe uma regra com o tamanho certo, o melhor é conferir os primeiros colocados para a palavra que você está tentando ranquear e fazer um texto mais completo e melhor do que aqueles, com o tempo você pode atualizar os conteúdos e adicionar mais coisas. 

Frequência de postagens

Ok, isso não está relacionado exatamente a sua página, mas manter uma frequência de postagens é essencial. Além de estar constantemente alimentando seu público, e o Google, com novos conteúdos você tem mais chances de ranquear.

É importante lembrar que volume e frequência não quer dizer publicar 20 textos hoje e daqui a 6 meses publicar mais 20. Você precisa manter um calendário constante de publicações.

Ao invés de publicar 20 textos em um só dia, publique um ou mais por semana. Além de estar dando conteúdo novo sempre, você terá bastante tempo para preparar e escrever textos novos.

Escrita

A escrita do texto também deve ser feita cuidadosamente, seguindo algumas dicas e regrinhas que vão fazer toda a diferença e trarão resultados incríveis para seu negócio. Separamos algumas delas para você conhecer e aplicar na sua loja.

Escaneabilidade

Escaneabilidade refere-se ao ato de “passarmos o olho” no texto, pegando apenas algumas informações. Hoje em dia, com os computadores, celulares e tablets, dificilmente paramos para ler textos longos.

Por isso, facilitar o entendimento e a absorção da informação é importante. Para isso, você pode usar estratégias como: destacar as partes mais importantes em negrito, escrever parágrafos curtos e colocar imagens, vídeos e intertítulos para dividir o texto.

Heading tags

Talvez você não saiba o que são as heading tags, mas com certeza já se deparou com elas por aí e até já deve ter usado. Elas são marcações presentes ao longo do texto que mostram uma hierarquia dentro daquela página.

para que serve o seo

São os chamados títulos e subtítulos de um texto ou página. Qualquer editor de texto, como o Word, Docs ou até mesmo WordPress e a plataforma da sua loja, permitem criar e alterar títulos no texto.

Eles são comumente chamados h1, h2, h3 e assim por diante. O h1 é o título principal e todos os outros estão dentro dele, o h3 está dentro do h2 e assim em diante. Nos editores você pode encontrar como o nome Título 1, Título 2, Título 3 ou algo parecido.

O importante é saber como e quando utilizar essa ferramenta. É fundamental que você respeite a hierarquia de títulos e a quantidade correta de cada uma.

Imagens

Colocar imagens ao longo do texto possuí diversas vantagens. Elas podem complementar seu texto e facilitar a compreensão de informações, dar um respiro para o leitor e, ainda, ajudar no ranqueamento da página.

Para isso, você precisa preencher o campo alt da imagem com a descrição da foto e a palavra-chave do texto. Esse campo é utilizado por programas que realizam a leitura de imagens para cegos e pelo Google Imagens.

Por exemplo, quando alguém pesquisar por “SEO” no Google Imagens, todas que tiverem essa palavra na tag, aparecerão na pesquisa. É uma ótima forma de atrair tráfego para o seu site e muita gente esquece disso.

SEO off page

Já o SEO off page inclui diferentes fatores fora da página e do seu site. Ele considera a autoridade do seu site, isso é, o quão confiável e recomendado seu site é para esse assunto. 

Como autoridade é um critério abstrato, o Google usa alguns indicativos para medir a autoridade de um site. Entre eles, podemo citar: qualidade dos links internos e externos, menções à sua página ou site, confiabilidade e o contexto.

Por isso, é importante ter uma boa estratégia de link building, lincando páginas que também sejam relevantes para o assunto e evitar que seu site seja lincado em páginas ruins. 

Dessa forma, você mostra para o Google que recomenda aquele conteúdo, da mesma forma, quando algum coloca um link para sua página está mostrando que recomenda o seu conteúdo.

Uma maneira muito comum de conseguir bons links é mandar e-mail para blogs e sites que tenham relação com o assunto tratado e oferecer para trocar links. Assim, os dois saem ganhando.

Outra forma de conseguir bons links é com guest post. Eles são parcerias entre sua empresa e outras marcas, onde um convidado escreve e publica um texto no seu site.

SEO técnico

Por último, o SEO técnico compõe as configurações e otimizações que você precisa fazer no seu site para facilitar a indexação e reconhecimento do Google.

Assim como o SEO on page, o SEO técnico também está sob seu controle, por isso não deixe de realizar as otimizações. Confira alguns dos principais pontos de SEO técnico.

Sitemap

O sitemap é um arquivo com todas as páginas e documentos de um site. Ele serve para direcionar o Googlebot para quais páginas devem ser indexadas e quais são as mais importantes.

Você mesmo pode fazer o sitemap do site e importar para o Google Search Console, porém, existem ferramentas que fazem isso automaticamente.

Robot.txt

Muita gente, que está começando, quando escutam falar de um arquivo robot.txt ficam preocupados, pensando que precisa conhecer programação ou precisa da ajuda de alguém que saiba, mas a verdade é que é um arquivo bem simples de ser feito.

Esse arquivo contém todas as páginas do site que não devem ser analisadas pelo Google. Isso serve para que documentos e dados importantes não sejam indexados aos buscadores.

Velocidade

Segundo o Google, a velocidade de carregamento de uma página é crucial para o usuário decidir se vai ou não continuar naquele site. Quanto mais demorado o carregamento, maior é a taxa de abandono.

para que serve o seo
Foto: Google/ Reprodução: Think With Google

Isso impacta na experiência do usuário e os buscadores consideram isso na hora do ranqueamento. Ou seja, quanto melhor for a experiência do cliente, mais chances de alcançar boas colocações nas pesquisas.

Mobile-friendly

Além da experiência do usuário, outro fator que tem ganhado muita importância para o Google é o mobile-friendly. O número de celulares tem crescido cada vez mais, e a maior parte dos acessos e buscas são realizados neles.

Por isso, nada mais justo que priorizar e garantir que esses usuários tenham a melhor experiência possível, muito semelhante à tela do computador. 

Criar sites responsivos e adaptar imagens para o mobile é fundamental para um bom ranqueamento.

Conclusão

Como você pode perceber ao longo do texto, o SEO é uma ferramenta poderosa, porém não é tão simples de ser feita e implementada. Apesar de o custo ser baixo, exige muito tempo, pesquisa de palavras-chave e produção de conteúdo.

Outro benefício dessa estratégia é o chamado SEO local, ele é muito importante e utilizado por aquelas lojas e estabelecimentos que possuem um negócio físico ou atendem uma área geográfica específica. 

Nós temos um artigo incrível com tudo o que você precisa saber sobre SEO local, leia para conhecer e saber mais.

Se você quer aprender na prática como usar o SEO e atrair mais clientes para o seu site organicamente, confira nosso guia de SEO para iniciantes.

Na Eficaz, temos uma equipe de especialistas em SEO qualificados para produzir os melhores conteúdos e realizar as otimizações do seu e-commerce, entre em contato e solicite uma análise!

E-Commerce
Publicidade
Por:
Publicado em 18 de novembro de 2022

Marilia - SP

Av. Hygino Muzi Filho, 529

Sala 140 A

+55 (14) 98144-0557

contato@eficazconsultoria.net.br

Barueri - SP

Calçada das Margaridas,

51 - Alphaville Comercial

+55 (11) 3185-4804

contato@eficazconsultoria.net.br

whatsapp